Mais uma obra de Hunter S. Thompson a caminho das telonas

Um dos últimos trabalhos de Hunter S. Thompson vai ganhar adaptação aos cinemas, segundo o Hollywood Reporter. O projeto vai adaptar às telas o artigo Prisoner ofDenver, publicado na Vanity Fair em junho de 2004, que Thompson escreveu em dupla com Mark Seal, editor da revista.

Prisoner of Denver relata a injustiça cometida pelo sistema judicial americano, que condenou à pena de prisão perpétua Lisl Auman, de 21 anos, pelo assassinato de um policial, sem possibilidade de liberdade condicional. No entanto, a jovem já estava na viatura, sob custódia da polícia, no momento do crime. Durante seu encarceramento, Auman começou a trocar cartas com Thompson, cujo ativismo político e artigo na Vanity Fair ajudaram a revogar sua sentença em 2005 – além do apoio de amigos famosos do autor como Johnny Depp, Jack Nicholson, Benicio Del Toro Woody Harrelson, que endossaram a causa publicamente.

Thompson é conhecido como o autor de Medo e Delírio em Las Vegas: Uma Jornada Selvagem ao Coração do Sonho Americano e como criador do jornalismo Gonzo, estilo de redação que borra as fronteiras entre autor e personagem, ficção e não-ficção; um estilo de reportagem em que o repórter torna-se também personagem protagonista de seu artigo.

“Ele tornou a profissão de repórter glamourosa e empolgante nos anos 70,” disse o editor Mark Seal, que foi contactado por Thompson para ajudar no caso de Auman e, em pouco tempo, viu-se na estrada metido até o pescoço no “mundo de Hunter Thompson”, lidando com skinheads, drogados e policiais raivosos. “No meu primeiro dia eu estava numa prisão feminina, dizendo a frase que esperei a vida inteira para falar: ‘Hunter Thompson me mandou aqui’. Foi uma das melhores experiências jornalísticas de toda a minha carreira e uma das maiores causas da vida dele,” comentou.

Hunter Thompson morreu em fevereiro de 2005, pouco antes da revogação da pena de Lisl Auman.

No momento, os produtores estão procurando roteiristas para adaptar o material, com foco no trabalho conjunto de Thompson e Seal para revelar a inocência de Auman – mas ao estilo gonzo, é claro.

Seal produz o filme ao lado de Brad KrevoyMike CallaghanReuben Liber, da Motion Picture Corporation of America, que adquiriu os direitos cinematográficos do artigo.

Achado aqui.

Anúncios

Sobre Izildo Souza

Advogado, DJ nas horas vagas, entusiasta em tecnologia e informática, um cara legal.
Esse post foi publicado em Cinema e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s